São João do Piauí, 21 de janeiro de 2017
545cbf8f9ad3ba6e43450ec2_banner_topo.jpg
545cd42a9ad3ba6e434510c8_barra_superior.jpg 545cd48047ecb9ba42ae3ebc_linha_superior.jpg
Notícias | Blog

TCE em São João do PI

REFORMA POLÍTICA
Depois da truculência inicial [aonde foi desrespeitoso com o deputado federal Marcelo Castro – PMDB/PI e com a própria comissão de reforma política] o presidente da Câmara dos Deputados – Eduardo Cunha, também do PMDB fluminense, vai encaminhando uma série de mudanças no sistema eleitoral. Entre elas, destaco o fim da reeleição para cargos do Executivo. O instituto da reeleição foi criado na era dos tucanos para beneficiar a reeleição de Fernando Henrique Cardoso. Até entendo que a intenção não era essa, mas, como quase tudo no Brasil é desvirtuado, o resultado de tudo isso é o que a gente acompanha diariamente (perpetuação de famílias no poder, aumento da corrupção e desinteresse no último mandato). Sou a favor de mandato fixo de 05 anos para todos os cargos – Executivo e Legislativo. Defendo também o fim da vitaliciedade no Supremo Tribunal Federal – STF. Um mandato de 15 anos tá de bom tamanho. 

TRIBUNAL DE CONTAS EM SÃO JOÃO DO PIAUÍ
Um grupo de membros e servidores do Tribunal de Contas do Estado do Piauí estará em São João do Piauí entre os dias 03 a 05/julho de 2015.  O objetivo desse encontro é ouvir a população sobre os serviços prestados pelo Município; além da divulgação dos mecanismos de fiscalização dos recursos públicos buscando, com isso, o fortalecimento da cidadania. É uma grande oportunidade das pessoas formalizarem denúncias, reclamações e exigirem uma maior transparência nos gastos públicos. FICA O CONVITE A TODOS!!!

FÓRUM ELEITORAL 
Também será inaugurada a reforma no Fórum Eleitoral de São João do Piauí – no dia 19/06/15, que contará com a presença do seu presidente – o Desembargador Edvaldo Moura.  É outra oportunidade para a classe dos advogados reivindicarem o funcionamento do Juizado Especial Cível Criminal – JECC que até hoje não funciona na cidade.  

Em 01/06/15, 10:34

Kléber Eulálio no TCE

KLEBER EULÁLIO NO TCE
Deu a lógica na eleição para a escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas. O ainda prefeito de Picos – Kleber Eulálio Dantas (PMDB/PI) levou a disputa com 18 votos dos deputados que compõem a ALEPI. O seu concorrente direto – o ex-deputado Mauro Tapety, também do PMDB, teve 11 votos.  O atual presidente da Assembleia – deputado Temístocles Filho (PMDB) foi o grande responsável pela eleição de Kleber. No início da disputa, Mauro saiu na frente. No entanto, quando chegou a reta final, o presidente da ALEPI fez a diferença e a candidatura do prefeito de Picos deslanchou. O governo do PT ajudou? Sim, mas não foi o fiel da balança. 

SABATINA DE ARAQUE
O edital do concurso previa uma sabatina entre os candidatos ao cargo. Todavia, ocorreu apenas uma mera apresentação sem que houvesse, de fato, uma arguição aos postulantes ao cargo. É no mínimo lamentável. Como é que o sujeito vai ocupar um cargo tão importante é não é sequer medido o seu conhecimento, não se conhece suas opiniões sobre os temas envolvendo o Direito Financeiro, Controle Externo, papel dos Tribunais de Contas. Realmente não dá pra entender. Diante disso tudo, conclui-se que ali aconteceu uma mera encenação, um jogo de cena da política piauiense.

FELIPE MENDES NA CODEVASF
Não poderia haver profissional mais preparado do que o economista e ex-deputado federal Felipe Mendes para ocupar a presidência da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba – CODEVASF.  O cargo, é da cota do Partido Progressista - PP, comandado pelo senador Ciro Nogueira (PP/PI).

Em 20/05/15, 14:43

O Véin tem que mostrar serviço

O VÉIN TEM QUE MOSTRAR SERVIÇO
O senador Elmano Ferrer (PTB/PI) disse num canal de televisão local que há possibilidade de disputar o comando da Prefeitura de Teresina em 2016. Disse isso, acredito eu, pelo seu bom desempenho nas pesquisas que já estão sendo feitas e pelo cabedal de votos que teve, na capital, nas últimas eleições. Tudo isso é verdade. Ninguém discute. No entanto, ele precisa mostrar serviço no Senado Federal. No parlamento ele é um cristão novo. Chegou há apenas cinco meses e ainda está no período de adaptação. Passando por esse primeiro estágio, ele precisa participar dos debates envolvendo os grandes temas nacionais e de defender o Piauí em todas as questões envolvendo a nossa federação.  Em outras palavras, ele precisar fazer valer o bordão em que ficou conhecido como o "VÉIN TRABALHADOR”.  Vale lembrar que o mandato é de oito anos, mas, infelizmente, muitos utilizam como trampolim para a disputa de um cargo majoritário no Executivo. No Senado, muitos se acomodam, perdem o "cheiro do povo” e se comportam que se estivessem no céu, recebendo um grande prêmio pelos serviços prestados ao povo do seu estado. ACORDA VÉIN!

DEVER DE CASA
Tá certo o deputado Robert Rios (PDT/PI). O governo petista alega que o Estado passa por uma grave crise financeira, mas, vai gastar - só com suplentes de deputado - a bagatela de mais de 7 milhões de reais ao ano. Não tem sentido esse gasto. O governo tem que fazer o dever de casa, cortar na própria carne, senão, correrá o risco de não convencer os servidores públicos de que não tem dinheiro para conceder o aumento já preestabelecido nos planos de cargos, carreiras e salários dos servidores.

Em 12/05/15, 23:10

Na corda bamba

NA CORDA BAMBA
O secretário de fazenda, Rafael Fonteles, esteve na ALEPI participando de uma audiência pública e revelou alguns números nada animadores para a economia do Piauí no primeiro semestre. Mas, no cenário pintado, o calcanhar de Aquiles é o gasto com pessoal. O governo ainda não publicou o relatório trimestral, mas tudo indica que terá ultrapassado o limite prudencial disposto na Lei de Responsabilidade Fiscal. Há uma série de gargalos que precisam ser resolvidos [na área de segurança pública – contratação de agentes penitenciários; na educação – professores] e o governo não tem outra saída: tem que aumentar a receita corrente líquida do estado e reduzir drasticamente a nomeação de cargos em comissão. A primeira solução depende mais da conjuntura econômica do país do que de qualquer outra medida de consumo interno. O plano de ajuste da economia proposto pelo governo Dilma segue cambaleando no Congresso, refém do amadorismo da base de sustentação política do governo e da "boa vontade” dos seus presidentes – Eduardo Cunha da Câmara e Renan Calheiros do Senado. A segunda, o governo tem sido tímido [é só conferir o diário oficial...]. Resumo da ópera: O governo do Índio só vai sair "das cordas” no último trimestre do ano. 

A MUSA DO PROLETARIADO SE FOI...
A Senadora Marta Suplicy, agora sem partido, se despediu dos sonhos que a embalaram a participar de um projeto ambicioso para a época: a construção de um partido que representasse os anseios da classe trabalhadora do país.  Durante décadas, participou ativamente sendo uma das expoentes do partido. Era a musa do proletariado petista. A sua saída, me fez lembrar a de Luiza Erundina, Cristovam Buarque; Marina Silva; Plínio de Arruda Sampaio; Luciana Genro e tantos outros que acalentaram esse sonho e depois, assistem o sangramento de um partido que já não representa mais a classe trabalhadora do país. 

CELEUMA DESNECESSÁRIA
Tempestade em copo d´água. É isso que estão fazendo em relação à separação da saúde da previdência. Não tem sentido essa celeuma criada pelos deputados que fazem oposição ao governo petista. O IAPEP, do jeito que está, nem cuida da saúde com deveria e nem dá a atenção necessária que requer a parte previdenciária da autarquia. De tudo que foi proposto na tão propalada reforma administrativa, essa é a melhor proposição. Há um déficit previdenciário que assusta a todos. Ou se enfrenta essa questão com rigor e a seriedade que se espera dos agentes políticos, ou correremos sério risco de quando nos aposentarmos não haverá dinheiro suficiente para cobrir os minguados proventos. 

Em 04/05/15, 10:49

Estado do Gurguéia cada vez mais distante

ESTADO DO GURGUÉIA – UM SONHO CADA VEZ MAIS DISTANTE
Assisti ontem, na Globo News, o excelente programa comandado pelo ex-deputado e jornalista Fernando Gabeira. O tema era a criação do Estado do Gurguéia. Ele percorreu algumas cidades do sul do estado, conversou com várias pessoas, visitou os poços jorrantes e as grandes plantações de soja e milho. De tudo isso, ele constatou que o sonho de se criar o novo estado perdeu o embalo. A conclusão se deu pelo fato que a região se desenvolveu muito nos últimos anos, apesar da precariedade de parte das estradas que escoam a produção. De fato, houve uma melhoria na região. Depois de décadas esquecidas, os últimos dez anos trouxeram uma série de investimentos [principalmente na área educacional] que alavancaram a região até então esquecida. Hoje, a coisa mudou. Com certeza o Estado do Piauí – num possível plebiscito – não aceitaria perder as receitas de um irmão tão rico.

MANOBRA PREVIDENCIÁRIA
A Mesa Diretora da Assembléia Legislativa do Estado do Piauí aprovou a EC n.º 43, de 08 de abril de 2015, em que acrescenta dois parágrafos (22 e 9) aos artigos 57 e 65, respectivamente, da Constituição Estadual. O primeiro, é o famoso "caga fogo”, pois, registra que os deputados estaduais poderão ter sistema próprio de previdência social e, pasmem! , mantidos por contribuição dos segurados, pensionistas e/ou recursos do Estado. É aí que está o perigo! A possibilidade de essa conta cair no colo dos servidores é grande. Há tempos atrás, existia no Congresso Nacional o famigerado IPC (Instituto de Previdência dos Congressistas) que permitia a aposentadoria proporcional após oito anos de mandato. Como se dava? Os senadores e deputados contribuíam com parte de seu salário e o Congresso fazia outra contribuição de igual valor. Aqui, na nossa planície, há a possibilidade clara da conta cair para a viúva. Com a palavra, o secretário de administração e o presidente do IAPEP.

THEMÍSTOCLES – O FIEL DA BALANÇA
O presidente da ALEPI – Temístocles Filho (PMDB/PI) vai decidir a eleição para a escolha do novo conselheiro do TCE. Essa é a conclusão de dez entre dez jornalistas que acompanham o dia a dia da Assembleia. O lado que ele pender da balança será fundamental para a vitória. Na bolsa de apostas, se a eleição fosse hoje, ainda ganharia o ex-deputado Mauro Tapety. No entanto, na hora do "pega pra capar”, quem vai levar é o prefeito de Picos e ex-deputado Kléber Eulálio.

Em 28/04/15, 11:04


CONTATO
546a3d684e26f780049e8303_logo-topo.png
Pé de Figueira
Rua Sabino Paulo, 696 – Centro
São João do Piauí
Cep: 64760-000
Tel/Fax: (89) 3483-1607
E-mail: redacao@pedefigueira.com.br
INSTAGRAM

use a tag #pedefigueira para sua foto aparecer aqui.